Um beijo ao passado.

A pessoa que irá marcar a sua vida,

não está em capa de revista.

Vamos deixa-la para as pessoas

que querem alguém de mentira.

A pessoa que irá marcar a sua vida,

é aquela do amor à primeira mordida.

Que o beijo acalma a razão,

e acelera o coração.

A pessoa que irá marcar a sua vida,

é aquela que você se apaixona duas vezes por dia.

Quando ela abre os olhos,

e de cara amassada diz:

“Me abraça!”

É incrível.

Num piscar de olhos,

aquele toque

te leva para o céu.

Você fica todo enrolado,

dentro daquele abraço apertado.

E aquele peito vira um travesseiro

para o seu coração descansar.

E não há outro lugar no mundo,

que você gostaria de estar.

A pessoa que irá marcar a a sua vida,

é aquela que você faz amor de dia,

sonha a tarde e ainda sente o gosto a noite.

A pessoa que irá marcar a sua vida,

é aquela que te provoca.

Que te mostra,

que o amor vem de dentro pra fora.

E se você não fizer nada, não adianta chorar.

Ela vai embora.

Porque ela não quer um conto de fadas.

Ela quer ser beijada e amada.

A pessoa que irá marcar a sua vida,

é aquela que não coloca ninguém na frente de você.

Que te mostra que para ser feliz,

você tem que tirar essa cara amarrada,

e jogar toda essa amargura fora.

Então, faça isso agora.

Pegue um vinho.

Levante essa taça.

Deixe o orgulho de lado,

e faça um brinde ao passado.

É sério.

Você tem que aprender a sorrir,

antes de querer ser feliz.

A pessoa que irá marcar a sua vida,

é aquela que o gosto do beijo,

fica pra sempre nos seus lábios.

Que está escrito nos olhos dela,

o que só você pode ver.

É aquela que um dia,

você colou uma foto juntos na geladeira.

Que o cheiro dela, mesmo quando estão distantes,

fica na sua pele pra sempre.

Que você muda a direção,

só para atrair a atenção.

Que sem nenhum aviso,

ela te faz tremer e dar um sorriso bobo.

Que só de ouvir o nome dela,

já dá um friozinho na barriga.

Sim.

Eu sei como é.

O nome não sai da cabeça nem por um instante.

Que vontade de encontra-la não é?

Mas você não liga.

Eu sei o que dizem:

“Vá curtir a vida.”

Algumas pessoas,

gostam do vazio de ser livre.

E você?

É isso que você quer?

O que está esperando?

Medo?

Momento errado?

Até quando,

você vai desperdiçar o seu amor

e o seu tempo?

Até quando

as pessoas vão ter medo uma das outras?

Talvez você não saiba.

Amar,

não tem nada a ver com esse “bla bla bla”

Então, um conselho.

Para todos vocês,

onde quer que estejam,

lembrem-se:

A pessoa que irá marcar a sua vida,

não é aquela que você vai implorar

para acordar e

começar a amar.

- Ique Carvalho

Eu me apaixonei uma vez

Eu me apaixonei uma vez.

Mas quantas vezes,

quis te convidar pra sair,

olhar em seus olhos e,

dizer:

“Eu gosto de você.”

Mas nunca tive coragem.

Tinha medo de ser rejeitado.

Ficava em casa,

com o telefone no colo e,

meu orgulho intacto.

E o coração,

em mil pedaços.

Eu me apaixonei uma vez.

Mas quantas vezes,

te vi dentro do elevador,

de chinelo,

blusa branca e

moletom.

Ou de vestido vermelho,

salto alto e,

batom.

O que eu queria mesmo,

era parar o elevador,

elogiar o seu cabelo,

roubar um beijo e dizer:

“Você é linda de qualquer jeito.”

Mas não tive coragem.

Tive receio,

de parecer louco ou

então, só um menino bobo.

Algo assim, sabe?

Eu me apaixonei uma vez.

Mas quantas vezes,

acordei no meio da noite,

pensando em você.

Mas nunca tive coragem,

de transformar sonho,

em realidade.

Eu me apaixonei uma vez.

Mas quantas vezes,

quis te buscar na sexta,

pra dançar, até o dia clarear.

No sábado,

pro café da manhã e almoçar.

E no domingo,

pra tomar banho no rio.

Mas nunca tive coragem,

de transformar algo raro,

em um amor extraordinário.

Eu me apaixonei uma vez.

Mas quantas vezes,

na cama, à noite,

olhei para o céu,

vi uma estrela cadente,

fechei os olhos e,

desejei você.

Mas não tive coragem,

de parar na sua frente e,

realizar o pedido:

“Quer sair comigo?”

Eu me apaixonei uma vez.

Mas quantas vezes,

te vi perdida na rua,

respirando fundo.

E tudo que eu queria,

era segurar a sua mão e,

dar a volta ao mundo.

Eu me apaixonei uma vez.

Mas quantas vezes,

escrevi cartas,

cheias de palavras repetidas,

que não significavam nem metade,

do que eu sentia.

Eu me apaixonei uma vez.

E finalmente compreendi,

o que é importante para a razão,

é insignificante pro coração.

Eu sei e você sabe,

a nossa história,

não acaba aqui.

Nunca termina,

enquanto houver,

eu, você e um dia.

Hoje,

no final da tarde,

vou te ligar.

E é assim, no fim,

espero que dessa vez,

o nosso medo de sofrer,

se torne coragem,

pra viver.

deus-e-poeta:

"Porque, assim como o céu é mais alto do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos." ISAÍAS 55:9